Top Post

12 . Jun . 2019

Tranquilo

Em: Coluna

A torcida pediu e o Botafogo fez o seu dever de casa bem feito na rodada do fim de semana pela Série C do Campeonato Brasileiro. Ganhou do Globo-RN por 3x1 e se manteve no G-4 na acirrada disputa pelo acesso. Ainda bem que o time comandado por Evaristo Piza venceu e jogou para escanteio aquela desconfiança que começava a tomar conta dos torcedores, em função dos erros cometidos contra o Fortaleza, na final da Copa do Nordeste e no confronto com o Confiança, em Aracaju-SE.

Evaristo Piza visualizou bem os erros cometidos pelo Botafogo, treinou forte ao longo da semana passada e no domingo chegou ao Almeidão com algumas mudanças no time titular. O que planejou deu certo, pois o Belo rendeu muito mais e construiu um resultado positivo com autoridade, diante de um adversário que tem a suas qualidades na corrida por uma vaga no G-4. Mas ao longo dos 90 minutos o Botafogo foi melhor e saiu de campo com um resultado justo e que serve de motivação para o próximo desafio.

E por falar em novo desafio, o Botafogo terá pela frente o Náutico, que é um adversário bem conhecido e que precisa do resultado para se fortalecer na competição e ganhar a confiança da sua torcida. Com certeza será um adversário muito difícil e cabe ao técnico Evaristo Piza pedir muita cautela aos seus comandados do primeiro ao último minuto de jogo. Tem tempo suficiente para conscientizar o seu grupo e atender as expectativas dos torcedores que sonham com mais um resultado positivo na Série C.

Mesmo se tratando de um adversário qualificado, o Náutico não é um adversário imbatível. O meu amigo José Higyno Guerra (Guerrinha) que é um torcedor apaixonado do Timbu sabe disso e não canta vitória antes do tempo. Ao Botafogo resta treinar enquanto o tempo está a sua disposição para retornar com um resultado positivo. Pelo menos é o que espera a grande nação botafoguense.

Copa do Nordeste

Esqueceram deles. Roberto Limeira, Silvio Tó (in memorina) e Fernando Mendes saíram na frente com o projeto da Copa do Nordeste. Só que nunca foram lembrados pelos organizadores nos momentos das homenagens. Lembro que a luta foi grande antes de ser aprovado e bem aproveitado.

Positivo

E por falar em Fernando Mendes, como dirigente do Botafogo e da Federação Paraibana de Futebol construiu um leque de amizade muito forte. Sem alarde e com inteligência colocou alguns projetos em prática. Trata-se de um desportista nato e que está sempre as ordens de quem gosta de trabalhar com transparência, responsabilidade e com base em planejamento inteligente.

Negativo

Com seis derrotas em seis jogos que disputou o Serrano encerrou a sua participação na Série D do Campeonato Brasileiro perdendo de 8x0 para o América-RN. Sofreu 28 gols e marcou apenas dois. Fecha a temporada com a pior campanha da história da Série D e sem saber o que fazer para apagar essa triste imagem, fruto da falta de planejamento e de investimento certo. Um final infeliz mesmo.

Futebol

A Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer) está empenhada na realização da Copa de Seleções de Bairros, no segundo semestre. O secretário Emano Santos já está mobilizando toda a sua equipe com o objetivo de realizar mais um grande evento e fortalecer o futebol amador de João Pessoa. Na próxima semana o assunto será discutido em reunião com os assessores.

No Foco

O paraibano Léo Barbosa participará no final de semana da segunda etapa da Fórmula 3 Sul-Americana, que será realizada no Chile. Viaja cheio de confiança, mas ainda sentindo a falta de um grande patrocinador. Lamentável.

Jogos Regionais

Foi nota 10 o congresso técnico dos Jogos Regionais do Nordeste, que reunirão as Apcefs da região. O evento foi transmitido ao vivo e o professor Rogério Velinho, que é o coordenador geral da competição, deu mais um banho de competência com toda a equipe da Gesports em ação. O presidente da Apcef-PB, Carlos Espínola,  começou muito bem com toda a sua diretoria participando do evento com propostas inteligentes.