Top Post

05 . Jan . 2020

É bom esperar

Em: Coluna

Em todos os redutos, possíveis e imagináveis, o torcedor comentou a derrota do Botafogo para o ABC, domingo passado, em Natal-RN. O resultado foi encarado com naturalidade, até porque o elenco está em clima de pré-temporada, mas se viu a necessidade de o time melhorar em alguns setores. Também é fato natural, pois o tempo é quem vai dizer, quem fica e quem sai. Por enquanto a ordem é observar mais.

Como o amistoso contra o ABC foi o primeiro grande teste do Botafogo na temporada, a torcida esperava muito mais, até porque se comentou muito sobre a qualidade do elenco atual, em superar o grupo que se formou em 2019. Sendo assim, o torcedor queria muito mais futebol, mas o que se viu foi o ABC dono das ações no primeiro tempo e o time de Evaristo Piza melhorar um pouco no segundo tempo, mas sem passar total confiança.

O torcedor espera por algo bem melhor no próximo jogo treino. Independente da qualidade do adversário o time precisa render muito mais e passar mais confiança, não só para a torcida, como também para a comissão técnica e diretoria que estão apostando tudo no atual elenco. É hora de reagir sim para animar a grande nação botafoguense para a rodada de abertura do Campeonato Paraibano.

Acredito que a tendência é melhorar, mas é preciso esperar muito mais. O torcedor só precisa ter um pouquinho de paciência, pois o técnico Evaristo Piza também está interessado no crescimento do time e por isso mesmo trabalha forte na Maravilha do Contorno. A ordem é não relaxar e melhorar. Sendo assim, cabe a torcida apoiar o grupo e esperar por melhores dias no decorrer desta nova temporada.

Escolinha de Futebol

O departamento de esportes do Clube dos Oficiais já está trabalhando a programação de amistosos da Escolinha de Futebol para o mês de fevereiro. Os alunos interessados ainda podem fazer matrículas. Vagas para sócios e não sócios. Contatos pelo 9.8802-6121.

Positivo

A diretoria do Treze acertou na contratação de Almir, que tem passagens positivas por clubes importantes como Flamengo-RJ e Botafogo-RJ. A experiência é grande e Almir tem tudo para fazer a torcida feliz em 2020. Logo depois da apresentação, Almir começou a trabalhar cheio de entusiasmo para disputar o seu primeiro Campeonato Paraibano. A diretoria do Galo da Borborema promete mais reforços.

Negativo

Um 2020 bem diferente. Até agora não existe nenhu,a reclamação sobre a situação dos estádios da Paraíba que foram colocados a disposição da Federação Paraibana de Futebol para o Campeonato Paraibano. Sendo assim, eu quero acreditar que todos atendem as exigências do Estatuto do Torcedor. A bola vai rolar a partir do dia 18 e o silêncio é total sobre os campos de futebol. Bom para a FPF.

Mais testes

Depois do jogo-treino de ontem, quando venceu o selecionado de Conceição, no Sertão paraibano,por 3x2,  o Campinense vai encarar o Serrano de Campina Grande, no dia 8 e Santa Cruz PE, no dia 13. Depois desses amistosos, Oliveira Canindé vai saber com quem poderá contar  para iniciar o Campeonato Paraibano.

04 . Jan . 2020

Acontece

Em: Coluna

O resultado foi ruim, mas a derrota de 2x1 para o ABC serviu para o técnico Evaristo Piza ter mais clareza sobre a qualidade do elenco que tem para este início de temporada. O time não foi bem no primeiro tempo, melhorou um pouco na segunda etapa, mas deixou alguns pontos a desejar, principalmente para o torcedor que esteve em Natal-RN para prestigiar o amistoso contra um ABC bem mais qualificado que o ASSU-RN.

Antes da estreia no Campeonato Paraibano o Botafogo ainda tem dois amistosos. No próximo domingo, contra o Vitória-PE e no dia 12 diante do Sport Lagoa Seca que promete dificultar as ações de muita gente quando a bola rolar no Campeonato Estadual. Além dos jogos, Evaristo Piza tem tempo suficiente para treinos, justamente para definir a melhor formação e fazer a torcida feliz em 2020. Pelo menos é o que se espera nesse novo planejamento.

Evaristo Piza também terá tempo de sobra para conversar com o presidente Sérgio Meira sobre a qualidade do elenco. A proposta inicial é começar a nova temporada com esse grupo e só agilizar novos reforços quando se aproximar o Campeonato Brasileiro da Série C. Mas pode acontecer mudanças no plano, desde que Evaristo Piza entenda que o grupo está precisando de ajustes em alguma posição para brigar por importantes conquistas.

Agora resta ao torcedor esperar pelas providências. Evaristo Piza sabe muito bem o que tem a sua disposição para o exigente calendário. Se entender que está tudo bem, não pedirá reforços. Agora se depois do amistoso contra o ABC ficaram dúvidas no ar, o tempo está ao seu lado para conversar com Sérgio Meira e contratar. Por enquanto nada mudou. Evaristo Piza procurar observar mais, do que conversar. Isso é bom e faz parte da disciplina no trabalho.

Feliz Ano Novo

A minha família, que tanto me motiva, aos amigos de todos os segmentos, um Feliz Ano Novo, com muita paz, saúde, prosperidade e Deus no coração. Continuemos aa nossa caminhada seguindo os ensinamentos daquele que veio ao mundo para nos salvar.

Negativo

O Campinense perdeu mais um amistoso para o América-RN, agora por 1x0 e jogando em casa, diante da sua torcida. O time de Oliveira Canindé segue sem vencer na pré-temporada e gera preocupação a toda comissão técnica, levando em consideração os resultados que foram acumulados em 2019. O torcedor acredita que Oliveira Canindé vai se reunir com a diretoria para pedir reforços urgentes.

28 . Dez . 2019

Um bom teste

Em: Coluna

Com o elenco novo e fora de casa, o Botafogo-PB tem um bom teste amanhã. Vai encarar o ABC, em Natal, que também está em pré-temporada. Com certeza será um domingo produtivo para os dois times, que estão em formação para a temporada 2020. Mesmo se tratando de um amistoso, tenho certeza que as duas equipes estão levando muito a sério esse confronto e com isso quem vai ganhar é o torcedor.

O Botafogo fez o seu primeiro teste em casa contra o ASSU-RN e ganhou de 5x0. O placar foi bom para o torcedor, mas o importante foi o  desempenho do grupo que está sendo montado para 2020.O técnico Evaristo Piza gostou e a torcida também. Então significa dizer que o novo time começou bem e tem tendência de crescimento, como disse o repórter Gabriel Botto, que acompanhou de perto o amistoso interestadual.

Como a cidade é atraente e o domingo promete ser de sol, o torcedor do Botafogo tem uma ótima opção de lazer, pois pode sair mais cedo de João Pessoa, desfrutar das belezas naturais da capital espacial e no período da tarde prestigiar o time de Evaristo Piza que promete mais futebol. Para quem gosta de praia e futebol, o domingo promete em Natal-RN e a torcida é convidada especial.

Acredito que será o primeiro e verdadeiro teste para o Botafogo, pois além de pegar uma equipe de tradição no futebol nordestino, o amistoso será na casa do adversário. Bom para Evaristo Piza fazer mais observações e dentro de campo o elenco mostrar mais futebol, já que a briga pela titularidade está em alta. Ao torcedor cabe esperar a bola rolar para sentir como vai se comportar esse novo grupo, diante de um adversário mais qualificado.

Clube dos Oficiais

Depois da festa de confrtaernização entre diretores e colaboradores, a palavra de ordem no Clube dos Oficiais é trabalho. A partir das próxima semana a diretoria vai começar a planejar ações no esporte e no social, para continuar a fase de crescimento.

Positivo

Quem está animado para a temporada 2020 é o presidente do Cabo Branco, Gilberto Ruy. Depois do show de Beto Barbosa, que está marcado para o dia 11, ele se reúne com a sua diretoria para definir novas ações n esporte. Satisfeito com o acumulado de 2019, Gilberto Ruy promete novos investimentos e conta com a presença de todos os esportistas do Cabo Branco na festa do dia 11. Muito bom.

Negativo

O saldo do Campinense é ruim na pré-temporada. Realizou três jogos e perdeu todos, para o incomformismo do técnico Oliveira Canindé. No primeiro foi derrotado pelo Náutico de Lagoa Seca por 1x0. Depois empatou com o Treze no tempo normal e perdeu nos pênaltis. Por último, acabou perdendo para o América -RN por 2x1. Hoje tenta a reabilitação em casa, contra o América-RN.

Solteiros x Casados

O tradicional jogo entre Solteiros x Casados, da zona Sul, acontece amanhã, com a coordenação de Romildo Lourenço. O tradicional encontro será realizado a partir das 8h30, no estádio Batistão, no Funcionários II. Depois acontece a confraternização de fim de ano, comemorando 36 anos do encontro.

 

20 . Dez . 2019

É sempre assim

Em: Coluna

E toda vez que chega um final de temporada, fico pensando como será o ano que se aproxima para o esporte paraibano. Domingo passado, fui questionado por muitos amigos no restaurante Picuí Praia, a maioria querendo saber se algo de bom pode acontecer em 2020, já que em 2019 foram muitas dificuldades, principalmente no amadorismo, onde sempre falta apoio para técnicos e atletas e dirigentes. Os pedidos e os projetos foram encaminhados, mas ficaram mais uma vez sem respostas.

Depois de muita conversa, deixei a Arena do Picuí Praia sem sonhar com melhores momentos para o esporte, pois acompanhei de perto as ações de 2019, principalmente no setor público, e não vi nenhuma perspectiva positiva, até porque os secretários de esportes pensam e planejam grandes ações, mas esbarram na vontade daqueles que tem o poder da caneta.

O menos doloroso é ficar na torcida, para que algo de bom e novo possa acontecer no próximo ano. Estou cansando de falar e escrever que talentos nós temos de sobra e em todas as modalidades. Só não existe é vontade política para que tenhamos mais representantes nas competições em nível nacional e até internacional. Infelizmente os nossos atletas deixam de tornar realidade os seus sonhos, por conta da falta de patrocinadores.

Como a esperança é a última que morre, continuo a pensar numa mudança radical nesse cenário. Outro dia conversava com o presidente do Boa Vista, João Braga Fernandes, e ele reclamava da falta de incentivo para o futebol amador. E por aí segue o inconformismo. Infelizmente ainda tem muitos cargos sendo ocupados por quem não tem identidade e não conhece os bastidores do esporte paraibano, o que é lamentável. Por isso mesmo estamos no fundo do poço em algumas modalidades, principalmente nas que os pais não têm dinheiro para investir nos filhos.

Positivo

O presidente da Federação Paraibana de Futsal, João Bosco Crispim, está fechando o ano com o calendário para ser cumprido ao longo desta semana. Isso é muito bom. Satisfeito com os resultados, já está trabalhando com a sua diretoria o calendário do próximo ano, que também fortalece o processo de interiorização do futsal. João Bosco Crispim promete novidades nos jogos do paraibano de 2020. Aguardem.

Negativo

A pergunta continua no ar e até agora sem resposta. Quais os campos que estão liberados para o Campeonato Paraibano de Futebol Profissional e que atendem as exigências do Estatuto do Torcedor? Ninguém sabe e ninguém.  A competição se aproxima do seu início com esse clima de indefinição, que mais uma vez dificulta o trabalho do departamento técnico da Federação Paraibana de Futebol.

Escolinha de Futebol

Continuam abertas as inscrições para a Escolinha de Futebol do Clube dos Oficiais. As vagas estão abertas para sócios e não sócios na faixa etária entre 5 e 14 anos. Os contatos podem ser feitos pelo telefone 9.8802-6121. Quem fizer a matrícula para o trimestre, tem desconto especial em todas as categorias.

No Foco

Giovana Campos, da AcquaR1,  fez a festa no Norte-Nordeste de Natação. Além de ganhar três medalhas de ouro e uma de prata, foi premiada pela CBDA com o Troféu Eficiência. Fecha a temporada no final de semana, em Salvador.

Natação

Matheus Alencar e Beatriz Alencar, filiados ao Clube dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba - COPM-BM - brilharam no Festival Norte-Nordeste de Nataç]ao - Troféu Ranaldo Malta - realizado no fim de semana, em Maceió. Mtaheus ganhou uma medalha de ouro e duas de prata, enquanto que Beatriz conquistou dois ouro, uma prata e uma bronze. A dupla está chegando ao final de mais uma temporada com saldo positivo, o que deixa boas perspectivas para 2020.

16 . Dez . 2019

Que legal

Em: Coluna

O Botafogo era o todo poderoso, o Mixto trabalhou para brigar pelo primeiro lugar, mas foi o Auto Esporte que conquistou o título de campeão paraibano no futebol feminino. E como isso aconteceu? Primeiro valeu a experiência do professor Guilherme Paiva, depois o empenho e o talento de suas atletas, que superaram inúmeros obstáculos até o dia em que levantaram o troféu de melhores da temporada.

Sabendo que teria pela frente adversários qualificados, Guilherme Paiva não dormiu no ponto. Sabia que não poderia contar com a diretoria, que só apareceu no dia da comemoração, e tratou de buscar apoio para bancar as despesas das atletas que foram convocadas para o grande desafio, que era conquistar a hegemonia do futebol feminino da Paraíba que pertencia ao Botafogo.

E deu certo. As dificuldades foram muitas, até porque o Auto Esporte hoje não tem estrutura para nada. Quer ter certeza? Visite o Colosso Alvirrubro, em Mangabeira, e sinta a falta de compromisso de uma diretoria com o futebol. O abandono é quase que total e não oferece nem a mínima condição para quem quer praticar futebol. Tudo que foi construído com amor e trabalho, por Evandro Lélis, Severino Paiva, Haroldo Navarro e tantos outros automobilistas, encontra-se em estado de penúria.

O interessante é que no jogo final e na comemoração, ainda teve dirigente botando a cara. Muito cinismo mesmo. A verdade é que o Auto Esporte foi campeão por causa do trabalho de Guilherme Paiva, do apoio de alguns colaboradores fora do clube e com o poder de superação das meninas. Esse grupo sim, merece todo reconhecimento e honras pelo título conquistado.

Satisfeito

O técnico Evaristo Piza ainda não definiu o ataque do time titular do Botafogo, mas garante que seu poder ofensivo está pronto para os desafios de 2020. Piza está tão empolgado que descarta a contratação de um camisa 9. Sendo assim, cabe a torcida esperar pelos jogos.

Positivo

O técnico Evaristo Piza ainda não definiu o ataque do time titular do Botafogo, mas garante que seu poder ofensivo está pronto para os desafios de 2020. Piza está tão empolgado que descarta a contratação de um camisa 9. Sendo assim, cabe a torcida esperar pelos jogos.

Negativo

A Assembleia Legislativa da Paraíba aprova Lei que autoriza venda de bebida nos estádios de futebol. Com isso, provoca uma ‘briga’ com a Comissão Estadual de Segurança e Combate a Violência nas praças de esportes do Estado.A Comissão promete lutar para evitar que esta Lei seja colocada em prática. Uma posição será tomada, logo que, a Lei seja regulamentada. O bicho vai pegar de verdade.

Melhor do Esporte

Ainda repercute de forma bem possitiva, a realização do Prêmio Melhor  do Esporte, que aconteceu sábado passado, no Cabo Branco. O ex-secretário de esportes de João Pessoa, Guto Clerot, destacou a organização do evento e a qualidade da premiação que leva a assinatura da Arte e Molduras e Casa dos Troféus e Medalhas.

No Foco

Ilenilson Aguiar deixou um legado muito forte para o esporte e para a maçonaria. Um homem dedicado, de cárater, prestativo, amigo e irmão de todas as horas. Já faz muita falta. Que o Grande Arquiteto do Universo o ilumine na eternidade.

Polígono

O time de voleibol masculino do Colégio Polígono foi homenageado na edição 2019 do Prêmio Melhor do Esporte. O trabalho realizado pelo professor Jorge Carvalho, com apoio da diretoria, representada pelo professor João Augusto, colheu impotantes resultados ao longo de mais uma temporada. Jorge Carvalho já está tratando com João Augusto, o projeto que será colocado em prática no próximo ano. O Polígono acredita na força do esporte e prepara novos investimentos.

13 . Dez . 2019

A festa do esporte

Em: Coluna

Guto Clerot gostou, Arthur Villarim também. Aliás, quem prestigiou a edição 2019 do Prêmio Melhor do Esporte deixou o Cabo Branco satisfeito, pois a festa foi completa e com a participação maciça daqueles que ao longo do ano, mesmo em cima de muitas dificuldades, valorizaram a marca do esporte paraibano. De quase todas as modalidades tinha representantes, o que deu um brilho especial ao evento que mais uma vez contou com o apoio da Associação das Federações de Esportes da Paraíba, que tem na presidência João Bosco Crispim.

Confesso que também me emocionei com tanta gente de qualidade no Prêmio Melhor do Esporte. O restaurante Panorâmico do Cabo Branco se tornou pequeno para a grande confraternização do esporte paraibano, onde são premiados aqueles que têm resultados importantes, indicados por técnicos, dirigentes e jornalistas, o que passa credibilidade para quem está assistindo ou patrocinando.

Foi bom e em 2020 promete ser melhor, pois já tem muitos parceiros de potencial forte, como os empresários Esdras Asfora, da Arte e Molduras e Ilenilson Aguiar da Casa dos Troféus e Medalhas, prometendo mais apoio. Em tempo, a premiação oferecida por eles este ano superou todas as expectativas. Foi qualidade 10 e alvo de muitos elogios.

Apesar de todo o clima de festa e de confraternização, não deixaram de surgir as reclamações pela falta de apoio do poder público a quem representa a Paraíba no cenário nacional. Isso é triste, pois talentos temos de sobra e a boa vontade dos gestores está cada vez mais distante. Agora é torcer para que em 2020 essa realidade mude, para que o Prêmio Melhor do Esporte seja só alegria para técnicos, atletas e dirigentes.

Festa no COPM-BM

Um jantar de confraternização com atletas, técnicos e convidados para comemorar o sucesso do futsal em mais uma temporada. A diretoria do Clube dos Oficiais da Policia e Bombeiro Militar da Paraíba - COPM-BM - mostra o seu reconhecimento as importantes conquistas de 2019.

Positivo

Quem estava entusiasmado na festa do Prêmio Melhor do Esporte, foi Guto Clerot, ex-secretário de esportes de João Pessoa. Participou ativamente da cerimônia de premiação, foi homenageado e recebeu muitas manifestações de esportistas que desejam vê-lo com poder de fortalecer o segmento esportivo da Capital. Guto Clerot ficou satisfeito, e prometeu trabalhar para voltar ao cenário esportivo em 2020.

Educação Física

A professora Tereza Carmem, faz um belo trabalho com a natação na Apcef-PB. Também foi homenageada no Prêmio Melhor do Esporte, ao lado do professor Rogério Velinho. Ambos também são responsáveis pela formação de muito profissionais da área de educação física. Com talento e muito conhecimento de causa.

No Foco

O piloto Leo Barbosa, foi um dos homenageados com o Prêmio Melhor do Esporte. Ele é o autombilismo paraibano na Fórmula 3 que está sendo disputada no Chile. Apesar da falta de patrocínio, Leo Barbosa acumula bons resultado.

Reeleito

O presidente da Apcef-PB, Carlos Espínola, foi reconduzido ao cargo após a eleição que foi realizada ontem. Com o mesmo dinamismo, a diretoria está prometendo novas ações para favorecer os associaods, no esporte e no social. Em João Pessoa, Campina Grande e Patos, as sedes da Apcef-PB também vão receber melhorias em toda a estrutura. Carlos Espínola garante que a palavra de ordem é mais trabalhos nos próximos três anos.


 

11 . Dez . 2019

Não tem segredo

Em: Coluna

Sempre que converso com Sérgio Meira, sinto que o Botafogo caminha de verdade com os pés no chão, mas sem deixar de pensar grande. Isso é fruto de um planejamento inteligente e de uma gestão que trabalha sempre pensando no melhor para a sua torcida. Isso é bom e deixa boas perspectivas para o ano novo que se aproxima, com mais um calendário exigente.

Sérgio Meira está apostando tudo na qualidade do elenco que está se formando. Ele destaca a harmonia que reina com o vice de futebol, Ariano Wanderley e com o técnico Evaristo Piza. Tudo é combinado antes de que qualquer contratação aconteça. Assim, Sérgio Meira acredita que o percentual de erros será bem menor para tornar prazerosa a próxima temporada para os torcedores do clube.

Outra preocupação é com relação as finanças. Como estão equilibradas, a diretoria não quer sair desse patamar e por isso mesmo ainda serão feitos alguns cortes na economia do clube, para o ano novo seja promissor também no setor administrativo. Tudo está acontecendo com muita responsabilidade e isso faz com que as ações percorram os caminhos certos para que nada de anormal aconteça no futuro.

Como Sérgio Meira está animado, e quando ocupa a mídia mostra isso para o público de todos os segmentos, não custa nada a torcida acreditar e apoiar o novo projeto para 2020. Esse quesito é muito importante, pois o torcedor, como sempre diz o ex-presidente Nelson Lira, é o maior patrimônio do clube. Todos devem seguir juntos sim, com harmonia e investimentos na busca de um objetivo só.

Treze

O presidente do Treze, Walter Cavalcanti Junior, quer de todo o jeito levar os seus principais jogos para o estádio Presidente Vargas, em Campina Grande. Confesso que não vejo problema nenhum, levando em consideração que este ano foram liberados alguns campos para o Paraibano bem distantes do ideal. O PV está muito bom.

 

10 . Dez . 2019

Sem comodismo

Em: Coluna

Tudo indica que a disputa pelo título do Campeonato Paraibano de Futebol Profissional, em 2020, vai agradar. Botafogo, Treze e Campinense estão avançados no mercado da bola, na busca de reforços, mas também existe uma movimentação em todos os times inscritos para a competição. Cada um dentro de sua realidade, mas com o objetivo de brigar pelo título ou se manter na Primeira Divisão.

Entre os torcedores a empolgação chega de forma antecipada neste final de temporada. A torcida do Botafogo é a mais animada, em função dos números que foram acumulados este ano, a partir da conquista do Campeonato Paraibano. No entanto, aqueles que torcem por Treze e Campinense também estão animados, pois estão sentindo o interesse real dos dirigentes em esquecer tudo que passou esse ano e pensar num 2020 de importantes conquistas.

O que se lamenta é ausência do Auto Esporte na Primeira Divisão. Depois do rebaixamento o time não se encontrou mais, já que a diretoria deixa transparecer que não pensa muito no futebol profissional. Muitos apostaram que o Clube do Povo voltaria em 2020, mas a decepção foi grande quando a bola rolou na Segunda Divisão. Infelizmente, a falta de respeito a tradição do Auto Esporte hoje é uma triste realidade.

O finalzinho do ano se aproxima e os times começam a pré-temporada em clima de motivação. A ordem é não perder tempo, mesmo com muitos dirigentes no mercado da bola na busca de reforços. O profissionalismo tem que prevalecer e quem melhor se planejar com certeza vai atingir metas importantes. A partir de agora é esperar por mais novidades e mais qualidade naqueles que querem mesmo fazer uma temporada de saldo positivo.

Escolinha de Futebol

A diretoria do Clube dos Oficiais informa que continua recebendo alunos novatos para a Escolinha de Futebol. Os interessados devem procurar a secretaria, na sede de João Pessoa. As vagas são para sócios e não sócios, na faixa etária entre 5 e 14 anos. Contatos pelo telefone 9.8802-6121.

Grêmio na Capital

O professor Rogério Velinho está mais do que feliz com o lançamento do Núcleo de Captação do Grêmio-RS, em João Pessoa, que aconteceu sexta e sábado. A partir de agora a palavra é de ordem é trabalho com muito profissionalismo na formação de novos talentos. Rogério Velinho coordena o projeto e tem uma equipe de bom nível para trabalhar o futebol de base.

01 . Dez . 2019

Um 2020 diferente

Em: Coluna

Treze e Campinense não produziram nada de positivo para os seus torcedores em 2019. Por onde passaram deixaram marcas negativas, numa temporada realmente para ser esquecida pelas torcidas que esperam algo bem melhor em 2020, até por uma questão de respeito e pela tradição que os dois times têm no futebol profissional, mas que não corresponderam em 2019.

Mas tudo indica que em 2020 o quadro vai ser bem diferente. Pelo menos é essa a grande expectativa dos torcedores de dois grandes times do futebol profissional da Paraíba. Em Campina Grande existe uma cobrança muito forte em cima dos dirigentes, pois ninguém suporta tanto desmando administrativo e tanta decepção dentro de campo. O saldo negativo ainda incomoda e todos querem uma mudança radical, pelo bem do futebol da Rainha Da Borborema.

O Treze por onde passou brigou para não ser rebaixado. Isso com certeza serviu de lição, pois a diretoria começou a se planejar mais cedo, inclusive mantendo o técnico Celso Teixeira que foi o salvador da pátria para evitar a queda na Série C do Brasileiro. Os contatos para a formação do novo elenco já estão acontecendo e em que pese as dificuldades no campo financeiro, um bom elenco deve ser formado.

O Campinense também deixou a desejar por onde passou, para o desespero geral dos seus torcedores que contavam com a ascensão para a Série C. Só que o time nem passou da primeira fase de Série D. Agora a palavra de ordem é esquecer os números de 2019, formar um bom elenco e fazer a torcida feliz em 2020. O técnico Oliveira Canindé já começou a formação do elenco, o que com certeza vai gerar qualidade. Agora é esperar a bola rolar no próximo ano.


Leo Barbosa
O piloto paraibano, Leo Barbosa, segue treinando no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul-RS, se preparando para as últimas provas da temporada da Fórmula 3 Sul-Americana. No dia 7 estará no Prêmio Melhor do Esporte.

Homenagem
O presidente da Federação Paraibana de Desporto Escolar, Marcílio Ferreira,  foi homenageado no último dia 22, em Brasili, no Gran Tullyp Hotel, pela contribuição ao desenvolvimento do esporte escolar brasileiro. Recebeu a homenagem das mãos do presidente da Confederação Brasileira de Desporto Escolar, Antonio Hora. Satisfeito com o reconhecimento, começa a planejar a temporada 2020 para o desporto escolar da Paraíba.

13 . Nov . 2019

Pensando bem

Em: Coluna

A pré-temporada está cada vez mais próxima e a diretoria do Botafogo continua no mercado da bola para atender os pedidos que foram feitos e não revelados pelo técnico Evaristo Piza. O trabalho acontece com muita cautela, pois o presidente Sérgio Meira quer acertar mais nas contratações para fortalecer o projeto que foi elaborado para 2020, e por isso mesmo não existe pressa e sim muito cuidado na hora do acerto final.

Hoje a diretoria do Botafogo já tem 23 atletas para o exigente calendário do próximo ano. As novidades são Everton Heleno (meia), Luiz Gustavo (zagueiro), Lohan (atacante), Mário Sérgio (lateral), Maikon Aquino (atacante), Samuel Pires (goleiro), Rodrigo Andrade (meia) e Mário Sérgio (atacante). Não tenho certeza, mas acredito que todos assinaram contrato com o aval de Evaristo Piza que está mais cuidadoso com a qualidade do seu grupo de trabalho.

Além dos que assinaram contrato e só esperam a bola rolar oficialmente na Maravilha do Contorno, a diretoria também acredita que poderá contar com Marcelo Xavier (zagueiro) e Cássio Gabriel (meia), que já deram o sim, mas falta o preto no branco. Quem conhece bem os nomes citados, revela que a qualidade do elenco vai superar o grupo de 2019. Isso é bom e serve de motivação para a torcida que espera muito mais do time em 2020.

E quando o torcedor revela toda a sua ansiedade, o foco maior está no acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro. O Botafogo vem batendo na trave nessa caminhada, mas tudo indica que os cuidados agora são maiores e o objetivo é mesmo alcançar a Segundona, o que seria um prêmio muito especial para o presidente Sérgio Meira, que tem acumulado resultados importantes na sua gestão. Enquanto a bola não rola, a torcida sonha bem animada com o que já está acontecendo.

Sem apoio

O final da temporada se aproxima e com isso aumenta o número de atletas nos semáforos, pedindo apoio para as disputas em nível nacional. Por onde anda a tão prometida política pública para o esporte? Sinceramente, a Paraíba não tem jeito mesmo.

Positivo

O presidente da Federação Paraibana de Futsal, João Bosco Crispim, continua com o seu prestígio em alta na Confederação Brasileira de Futsal. Semana passada pediu uma alteração na tabela da Taça Brasil Sub-13 que acontecerá de 25 a 29 de novembro, em Recife e logrou êxito. A Chave que tem Fluminense-RJ, Minas Tênis Clube-MG  e Lions-PB terá dois times classificados e não um. Bom demais.

Negativo

E as figurinhas carimbadas do futsal paraibano que não acreditavam na mudança da tabela da Taça Brasil, perderam mais uma. O pedido de Bosco Crispim foi acatado e o futsal paraibano saiu no lucro. Sinceramente, assim como acontece no futebol profissional, o futsal paraibano precisa  eliminar essas figurinhas carimbadas do cenário esportivo. Passam o tempo todo querendo prejudicar quem trabalha.

É de Campina Grande

O time do Lions foi campeão paraibano no ano passado e por isso mesmo vai representar a Paraíba na Taça Brasil que será realizada em Recife, a partir do próximo dia 25. O elenco tem as suas atividades concentradas em Campina Grande e tem tudo para fazer uma campanha positiva na competição nacional.

No Foco

Carlos Espínola, presidente Apcef-PB, está  confirante no sucesso da Supercopa Apcef, que começa hoje e termina no próximo domingo, com a coordenação de Márcio Meira. O evento promete ser um sucesso.

Escolinha de Futebol

A diretoria do Clube dos Oficiais continua recebendo alunos novatos para a sua Escolinha de Futebol, com atividades na sede de João Pessoa. Vagas para sócios e não sócios, na faixa etária entre 5 e 14 anos. Os contatos podem ser feitos pelo telefone 9.8802-6121. Para o mês de novembro a comissão técnica está programando uma série de amistosos com o objetivo de avaliar o trabalho que vem sendo realizado com a garotada.