Top Post

Dezembro/2016




12 . Dez . 2018

Que assim seja

Em: Coluna

Sérgio Meira sabe como é grande a sua responsabilidade como presidente do Botafogo. Aceitou o desafio por ser a melhor opção do momento e porque tem um carinho muito especial pelo clube e pela sua torcida. Agora trabalha dia e noite, sem alarde, para formar um bom time e superar os números que foram acumulados ao longo desse ano, inclusive colocando o Botafogo na Série B.

Sábado passado, durante o Prêmio Melhor do Esporte, Sérgio Meira chegou logo cedo ao Cabo Branco e a sua mesa foi bastante concorrida. Torcedores de todas as idades questionaram sobre o time e sobre o projeto para 2019. Com simpatia e responsabilidade, Sérgio Meira deixou todos bem informados e com a certeza de que o sonho da Série B continua vivo, como sempre gosta de dizer o ex-presidente e conselheiro, Nelson Lira Filho.

No Prêmio Melhor do Esporte Sérgio Meira sentiu a confiança dos torcedores e deixou bem claro que toda a diretoria está trabalhando com muita cautela para errar o mínimo possível na formação do elenco, contando com o apoio de dirigentes e conselheiros experientes no futebol. Isso é bom. Se as divergências forem colocadas de lado e prevalecer o espírito de união, os resultados vão acontecer naturalmente.

O momento é bom entre os botafoguenses e Sérgio Meira está motivado. Isso torna possível encurtar o caminho rumo a importantes conquistas em 2019. Paralelamente o elenco começou a trabalhar com Evaristo Piza também em clima de muita confiança. Cabe ao torcedor apostar no novo projeto e ter a consciência de que Sérgio Meira é botafoguense e quer o melhor para o clube em todos os segmentos.

Cabo Branco

A diretoria do Cabo Branco, representada pelo seu presidente, Gilberto Ruy, marcou para esta quarta-feira, as comemorações de mais um aniversário do clube. São 103 de fundação com muita tradição, principalmente no setor esportivo. A festa começa às 19h.

+POSITIVO

Não sei de quem partiu a iniciativa, mas esta reunião dos clubes no sábado de manhã, no Cabo Branco foi muito válida. O futsal paraibano vive um momento positivo com importantes conquistas em nível nacional e não deve apagar essa imagem por conta de divergências. Tudo indica que a maioria torce pela realização de uma eleição transparente e longe do tapetão.

-NEGATIVO
 

Quando será iniciada a reforma do ginásio do Centro de Educação da Polícia Militar, em Mangabeira? Faz mais de um ano que o equipamento foi interditado e continua esperando pela reforma prometida e necessária. A revolta é grande entre os pais de alunos, que estão vendo os filhos prejudicados em suas atividades físicas. No CFO os alunos também estão insatisfeitos. Lamentável.

 

08 . Dez . 2018

Na luta

Em: Coluna

Talento, garra e determinação o piloto paraibano Léo Barbosa tem de sobra para tornar realidade o sonho de chegar a Fórmula-1. O que lhe falta na realidade é um grande patrocinador para continuar em crescimento no automobilismo. Começou pelo kart e já chegou na categoria principal da Fórmula-3. No entanto, o fator financeiro tem atrapalhado os seus planos, já que depende apenas do respaldo financeiro da família.

Na festa do Prêmio Melhor do Esporte, que aconteceu com absoluto sucesso no último sábado, no Cabo Branco, lá estava Léo Barbosa sendo homenageado pelo que fez e que ainda fará defendendo as cores do automobilismo paraibano. A alegria era quase que total, pois Léo Barbosa sente o reflexo dessa barreira que é a falta de patrocinador para correr nos grandes centros.

As dificuldades financeiras são muitas, Mas Léo Barbosa não é de desistir. A família ainda percorre todos os caminhos na busca de um patrocinador máster, pois em 2019 tem muitas portas abertas para esse jovem talento do automobilismo paraibano. Se o apoio aparecer de verdade, Léo Barbosa vai correr muito mais e proporcionar momentos de alegria para o povo paraibano que aposta no seu talento e na sua vontade de crescer a cada dia na busca de um sonho.

Assim como Léo Barbosa, vi no Prêmio Melhor do Esporte talentos de diversas modalidades, reclamando a falta de apoio para poder representar a Paraíba no cenário nacional e até internacional. Quando será que vai acontecer uma mudança nessa triste realidade? Estou chegando aos 35 anos no jornalismo esportivo e esse cenário se repete ano a ano. Eu só espero que Léo Barbosa e a legião de talentos que temos não desistam dessa caminhada, pois a vitória tem sabor de mel. Com certeza serão vencedores em pouco tempo.

Melhor do esporte

Foi um sucesso a edição 2018 do Prêmio Melhor do Esporte. O restaurante panorâmico do Cabo Branco recebeu um público extremamente comprometido com as causas do esporte. Foi mais um momento de confraternização no esporte. Todos estão de parabéns.

Positivo

O time de futsal da AAPB na categoria sub-6 está fechando a temporada 2018 com um saldo positivo em todas as disputas que participou. Isso é fruto do trabalho que é coordenado pelo professor Rodrigo, com a participação efetiva dos pais que estão sempre apoiando o crescimento dessa garotada no esporte. Para 2019, Rodrigo já está com o seu grupo formado e promete novas conquistas.

Negativo

E tem umas figurinhas carimbadas que não se cansam de criar clima ruim no esporte paraibano. Perdem em todas as ações, mas estão sempre querendo atrapalhar a vida de quem trabalha com transparência e responsabilidade na Paraíba. Ainda bem que os verdadeiros desportistas que estão no dia a dia do esporte paraibano conhecem a maldade daqueles que falam sem saber o que estão falando.

Planejamento

Professores e coordenadores de modalidades esportivas do Clube dos Oficiais se reúnem hoje de manhã. O objetivo maior é planejar a temporada 2019. Reeleito para mais um mandato, o presidente do COPM-BM, Coronel Francisco, espera por mais resultados importantes em todos os seus segmentos.

No foco 

Nadando pela primeira vez os 100 metros costas em piscina curta, no Pernambucano, Giovana Campos, atleta do COPM-BM, marcou o segundo melhor tempo do Brasil - 1.26'70 - mostrando que vai muito mais além em 2019.

Léo Barbosa

O piloto Léo Barbosa (de preto) e a diretora da Interser, Cláudia Franca, receberam suas homenagens no Prêmio Melhor do Esporte, ladeados pelo professor do Colégio Polígono, Jorge Carvalho, e do diretor financeiro da Interser Victor Yared. Todos acreditam na força do esporte e tem ações importantes no crescimento desse segmento.

03 . Dez . 2018

Segue firme

Em: Coluna

No Botafogo o presidente Sérgio Meira não tem pressa para fechar o elenco, mas está contratando com cautela e atendendo as exigências do técnico Evaristo Piza que está fazendo as indicações. Tudo isso de acordo com as finanças do clube e com o objetivo de fazer a torcida feliz em 2019, superando os números que foram registrados na presente temporada.

A cada dia Sérgio Meira mostra que conhece muito bem a realidade do Botafogo e trabalha para não mudar a estratégia que foi montada nos últimos anos e que deixou o clube com todos os seus compromissos em dia, contando com o controle rigoroso do conselheiro Raimundo Nóbrega que sempre colabora com todas as gestões, pois é botafoguense de verdade.

Acredito que Sérgio Meira está no caminho certo e com a capacidade administrativa que tem vai colocar os seus planos em dia sem maiores problemas. Os conselheiros também estão unidos e motivados e todos trilham pelo mesmo caminho. Assim segue o Botafogo se preparando para 2019, onde o sonho mais uma vez é conquistar a vaga para a Série B. Mas Sérgio Meira garante que tem muito mais para oferecer ao torcedor.

Além de pensar na formação do elenco, Sérgio Meira já começa inovando na sua gestão. Encaminhou ao Conselho Deliberativo proposta para duplicar a quantidade do número de conselheiros, hoje composto por 50 membros. A matéria será apreciada no dia três de dezembro, em reunião já convocada pelo presidente Giuseppe Scarano (Tio Pepe). A expectativa é grande e muitos botafoguenses estão esperando a aprovação para fazer parte deste seleto grupo. Tudo isso significa crescimento.

Melhor do Esporte

O Prêmio Melhor do Esporte prealizado sábado, no Cabo Branco, foi um dos melhores dos últimos anos. A premiação em grande estilo foi produzida pela Arte e Molduras, do empresário Esdras Asfora Sousa e valoriza aqueles que fortalecem a marca do esporte paraibano.

+ Positivo

Técnico, atletas, dirigentes, pais de atletas e empresários formaram uma só família no Prêmio Melhor do Esporte. A confraternização aconteceu sábado, no Esporte Clube Cabo Branco. O evento que entrou na sua décima sexta edição, reconhece o trabalho de muitas personalidades que fortalecem o esporte paraibano. Tudo com muito critério ao avaliar as indicações.

- Negativo

Um amigo bem identificado com a atual gestão da Federação Paraibana de Futebol me disse ontem, por telefone, que é grande a preocupação da presidente Michelle Ramalho, com relação ao início do Campeonato Paraibano, programado para o dia 12 de janeiro. Além dos problemas dos estádios, ainda tem ações na Justiça Desportiva que podem atrapalhar o planejamento da entidade para a temporada.

Escolinha em ação

O departamento de esportes do Clube dos Oficiais avisa que continua recebendo alunos novatos - sócios e não sócios - para a sua Escolinha de Futebol. Os interessados podem ligar para 9.8802-6121 e 9.9981-5263. As atividades reúnem alunos na faixa etária entre 6 e 14 anos. O calendário de 2019 já está sendo elaborado.

NO FOCO

O ex-presidente da Federação Paraibana de Futsal, Geraldo Magela, participou do Prêmio Melhor do Esporte. É um desportista de respeito e com relevantes serviços prestados ao futsal da Paraíba como, dirigente, atleta e árbitro.

Prestígio

O secretário de esportes de João Pessoa, Rodrigo Trigueiro, esteve entre os homenageados  no Prêmio Melhor do Esporte. Com trabalho e ações positivas tem fortalecido a gestão do prefeito Luciano Cartaxo. Rodrigo Trigueiro também investe na juventude, com a realização de eventos nos principais bairros de João Pessoa.

27 . Dez . 2017

Faz bem

Em: Coluna

Faz tempo que conheço Ailton Cavalcanti no comando da Federação Paraibana de Beach Soccer. Foi quem mais incentivou essa modalidade até hoje, e em que pese às ações das figurinhas carimbadas que costumam atrapalhar a vida de quem trabalha, o beach soccer paraibano é respeitado nacionalmente, pois Ailton Cavalcanti nunca se curvou diante das ações dos que se acham poderosos.

Na Paraíba Ailton Cavalcanti agradece quando tem o apoio do poder público na realização de eventos, mas também reclama quando ele fica ausente. Tem sido assim a sua postura que se traduz em respeito e crescimento da modalidade, que tem avançado e muito com o processo de interiorização em mais uma grande iniciativa de Ailton Cavalcanti.

No último evento oficial da temporada a cidade da Jacaraú sediou a Copa Nordeste de Beach Soccer. Foi armada uma arena de nível, bastante elogiada por quem prestigiou a competição. Lá estava Ailton Cavalcanti com sua tropa de guerreiros, que com apoio da Prefeitura Municipal da Jacaraú fechou o ano com chave de ouro.

E por falar em fim de temporada, Ailton realizou no final de semana uma festa de confraternização para premiar os que gostam, apoiam e praticam o beach soccer. Foi outro grande evento que só fortaleceu a marca da modalidade. As dificuldades existem, mas a força do trabalho tem superado os obstáculos. As falhas também aparecem, mas os acertos são muitos. E assim Ailton Cavalcanti e os guerreiros do beach soccer caminham para 2018, em busca de novas conquistas para a modalidade.

Natação

O professor Antônio Meira Leal destaca neste fim de temporada o desempenho da equipe de natação do Grêmio Cief, que alcançou importantes resultados ao longo do ano, na Paraíba e no cenário nacional. Antônio Meira garante que o trabalho vai continuar forte em 2018.

+POSITIVO

Antes mesmo da realização do jogo, o ex-atleta Peninha, em entrevista ao jornalista Franco Ferreira, manifestou toda a sua satisfação com o apoio que vinha recebendo para se recuperar da cirurgia que fez. Peninha agradeceu aos atletas que estão de férias em João Pessoa e que organizaram o evento, assim como os desportistas que apoiaram na realização do jogo.

-NEGATIVO

O futebol apresentado pelo Campinense no amistoso em que venceu o Auto Esporte por 1x0 mostra que os dois times ainda precisam melhorar e muito para as disputas do Paraibano. Na realidade as equipes estão precisando de mais qualidade. Sendo assim, os dirigentes precisam correr para agilizar novas contratações para evitar que o pior aconteça quando a bola rolar a partir do dia 7.

Em Malta

Alberto Soares e Francivaldo Andrade foram os fundadores de uma escolinha de futebol na cidade de Malta com intuito de educar crianças através do esporte. O trabalho começou com 40 garotos e hoje já atende 75. A Prefeitura Municipal de Malta acredita no projeto e tem incentivado as ações dos professores e dirigentes.

NO FOCO

O professsor Massilon confirmou para sábado, o término das aulas da Escolinha de Futebol do Clube dos Oficiais em 2017. A diretoria está matriculando para 2018, com vagas para sócios e não sócios. Ligue 9.8802.6121.

Nelson Lira

Sempre confiante no Botafogo, Nelson Lira (d) acredita que em 2018 o calendário será mais uma vez exigente, mas que o time tem tudo para conquistar importantes resultados e brigar pelo bicampeonato. As contratações animam a torcida e Nelson considera esse fator positivo.

26 . Dez . 2017

E o futuro?

Em: Coluna

E toda vez que se aproxima um final de temporada, começo a pensar como será p próximo ano para o esporte. As dificuldades terão o mesmo espaço? A falta de apoio de alguns segmentos vai continuar? Técnicos e atletas suportarão mais um ano representando a Paraíba sem a força de grandes patrocinadores.  E os pais, que são verdadeiros paitrocinadores permanecerão metendo a mão no bolso em favor dos filhos e do esporte paraibano?
São questionamentos que sempre encaro no final de temporada, ao longo e 35 anos de jornalismo esportivo. Repito que talentos nós temos de sobra em todas as modalidades, o que falta na realidade é a sensibilidade dos grandes empresários e mais ações do poder público, para que o esporte da Paraíba cresça e apareça mais no cenário nacional. Mesmo em cima de dificuldades, fechamos mais um ano com saldo positivo.


A realidade é triste. O esporte está sempre em último plano. Basta lembrar a participação da Paraíba na última etapa dos Jogos da Juventude do Brasil, quando técnicos e atletas fizeram uma viagem desgastante de ônibus para representara Paraíba. O pior é que ainda aparece gestor para dizer que isso não é nada de mais, dando testemunho que não está no cargo para fazer esporte, mas sim política partidária.


Fico triste com essa situação, mas esperando por dias melhores, pois eu sei que um dia vai aparecer alguém para entender que esporte é educação e se for bem explorado teremos menos violência nas ruas. Enquanto esse tempo não chega, peço para que técnicos e atletas nunca desistam dos seus sonhos e que num ano de eleição só vote em que reconhece a força do esporte paraibano.

Convocação geral

Todos estão convidados para o jogo beneficente - Amigos de João Neto x Amigos de Djaelson - terça-feira na Vila Olímpica. Quem estiver impossibilitado de comparecer compre o seu ingresso por essa causa justa em favor de Peninha que se recupera de uma cirurgia.

Positivo

Quero mais uma vez parabenizar os atletas João Neto e Djaelson, que estão a frente dessa promoção para Peninha, pelo empenho e pela convocação para que esportistas de todas as modalidades participem do jogo de terça-feira. João Neto e Djaelson são paraibanos e participam da Liga Nacional de Futsal com importantes resultados. A família de Peninha com certeza agradece esse grande apoio que está chegando.

Negativo

O Campeonato Paraibano vai mesmo começar no próximo dia 7, mas até agora os campos que foram colocados a disposição da Federação Paraibana de Futebol, alguns estão com problemas. Tudo indica que o prejuízo será grande para alguns filiados que dependem da boa vontade, principalmente dos órgãos públicos. O quadro atual não é nada animador e esse filme é muito antigo.

Voleibol

Do presidente da Federação Paraibana de Voleibol, Carlos Fernandes, recebo a informação que o atleta  Thiego Bandeira e o técnico Allan Jackson foram convocados para um Camp eonato Sub 19 em Saquarema-RJ. É o início do trabalho visando o Brasil no Jogos Mundiais, Jogos Olímpicos da Juventude e outras competições.

No Foco

A Colônia de Férias do Centro de Educação da Polícia Militar será realizada de 15 a 19 de janeiro. Os contados podem ser feitos com o Major Juceilton pelo telefone 9.8831-1319. As inscrições seguem até o dia 5 de janeiro.

Uninassau

A diretora da Uninassau, Daniela Teixeira e a coordenadora do curso de Educação Física, Tereza Carmem, estão fechando mais um ano de bem com a vida, em função dos resultados expressivos na formação de bons profissionais e nas competições que a instituição participou e apoiou. Ambas form homenageadas no Prêmio Melhor do Esporte.

21 . Dez . 2017

Vai ser diferente?

Em: Coluna

No Botafogo o ambiente é bom e todo mundo encara a temporada 2018 com muito otimismo. Se vai superar os erros que foram registrados em 2017, ninguém sabe. A verdade é que na pré-temporada o trabalho corresponde e como a diretoria ainda não fechou o ciclo de contratações, tudo indica que vem mais novidades nos próximos dias, antes da estreia no Paraibano.

Ainda é muito cedo para avaliar a qualidade do elenco que está sendo formado, mas os repórteres que cobrem o dia a dia do Botafogo falam com otimismo que o nível é bem melhor em relação ao que se colocou em campo em 2017. O torcedor espera que isso aconteça, pois nas disputas interestaduais o time deixou muito a desejar e por pouco não foi rebaixado na Série C.

Importante é que as contratações estão acontecendo, a torcida está animada e o técnico Leston Júnior não relaxa na preparação do grupo que terá um calendário exigente em 2018. Tudo caminha bem na pré-temporada e cabe ao torcedor esperar a bola rolar no Paraibano para ter a certeza que esse novo grupo vai proporcionar melhores momentos em 2018. Por enquanto, existem muitas dúvidas no ar, mas o discurso no ambiente interno é animador.

Como atual campeão paraibano, o Botafogo vai correr na busca do bi, mas acima de tudo terá que mostrar serviço na Copa do Nordeste, Copa do Brasil e na Série C. O torcedor cobra uma reação e com razão, pois nos dois últimos anos a decepção foi grande nas disputas interestaduais. A palavra de ordem é reagir e o técnico Leston Júnior sabe que a sua responsabilidade é das maiores. Que venha a temporada 2018.

Jogo beneficente

Na festa de premiação dos destaques do futsal, muita gente apoiando o jogo beneficentre entre os Amigos de João Neto e Amigos de Djaelson, que será dia 26, na Vila Olímpica. A renda será para o ex-atleta Peninha. Quem estiver interessado no ingresso pode ligar para 9.8861-0237

+POSITIVO

Muito produtiva a reunião de ontem de manhã, entre os presidentes do Clube dos Oficiais, Coronel Francisco de Assis e o da Apcef-PB, Carlos Espínola. Com alguns assessores, eles começaram a formatar a realização do Desafio Interclubes, que deve acontecer logo depois do carnaval, nas modalidades de futebol, futsal, vôlei de praia, natação, dominó, dama, canastra e sinuca.

-NEGATIVO

Tem algo muito estranho acontecendo no ambiente interno do Campinense. Desde o início da temporada que a diretoria contrata, mas gradativamente os jogadores anunciados como reforços estão deixando o clube. O que será que está acontecendo? Até agora as desculpas apresentadas não estão convencendo os torcedores. Afinal de contas, a largada no Paraibano será no dia 7.

Clube dos Oficiais

A Escolinha de Futebol do Clube dos Oficiais segue com sua programação de amistosos durante o mês de dezembro. No próximos sábado vai encarar a Escolinha do CFU, com garotos na faixa etária entre 5 e 13 anos. As vagas na Escolinha do Clube dos Oficiais são para sócios e não-sócios. Contatos pelo telefone 9.8802-6121.

NO FOCO
 

O empresário Waldir Lucena acredita que a vitória do Treze sobre o América-RN deu mais motivação para a torcida. Como conselheiro do clube, ele acredita quem em 2018 tudo vai ser diferente e o Galo da Borborema vai brilhar.


Jiu-Jitsu

Rômulo Martins (c) é campeão mundial de jiu-jitsu e tem como técnico o professor Charles. Eles receberam o Prêmio Melhor do Esporte do ex-secretário, Guto Clerot, que continua com ações importantes no esporte. Foi com o apoio de Guto que Rômulo conquistou o título mundial.

17 . Dez . 2017

Todos por Peninha

Em: Coluna

Se todo mundo atender a convocação de João Neto e Djaelson, que promoverão um jogo beneficente no dia 26, na Vila Olímpica Parahyba, tenho certeza que Peninha vai respirar e sorrir mais aliviado, após ter passado por uma cirurgia e que agora faz tratamento para viver melhores dias, com a família e com os amigos que amam o esporte.

Peninha vestiu a camisa do Botafogo na década de 70, ao lado de atletas como Zé Ruy, Clidenor, Marcos Medeiros, Serginho e tantos outros que não me recordo agora, pois na época eu via o desfile desses craques das arquibancadas do estádio olímpico José Américo de Almeida, hoje Vila Olímpica Parahyba, no Campeonato Paraibano de Futebol, categoria juvenil. Foram sábados agradáveis que vivi na minha infância com tanta gente boa em campo.

O tempo passou e hoje Peninha apenas revive os bons tempos com os amigos da época. Também jogou futsal, mas no campo era mais habilidoso. Agora precisa do apoio de todos nesse jogo. A renda será revertida para Peninha, já que após a cirurgia está praticamente impossibilitado de exercer a sua função na área de dedetização, já que o produto atrapalha a recuperação.

Parabéns João Neto, Djaelson e os craques que se colocaram à disposição. É uma ação exponencial e que com certeza vai aliviar o dia a dia de Peninha e sua família. Todos estão convidados para lotar o ginásio da Vila Olímpica. Lembro que quem tiver uma condição melhor, pode comprar mais de um ingresso. Vamos, todos unidos, proporcionar um fim de ano alegre para Peninha e família.

Benfica

A presidente do Benfica, Ana Helena, considera importante a participação dos clubes nesse jogo beneficente, na Vila Olímpica Parahyba. Atletas e pais de atletas do Benfica estão solidários com a campanha, pois consideram a causa justa em prol de Peninha.

Positivo

Vem aí a primeira Copa Interclubes, que neste primeiro momento vai reunir equipes de João Pessoa em diversas modalidade e faixas etárias. Na próxima terça-feira, o presidente do Clube dos Oficiais, Coronel Francisco, se reúne com o presidente da Apcef-PB, Carlos Espínola, para definir a programação que deverá ser colocada em prática depois do carnaval. O evento promete agitar a temporada 2018.

Negativo

O estádio Silvio Porto estará pronto para a rodada de abertura do Campeonato Paraibano? Até agora não existe nenhuma resposta postiva e o o presidente da Desportiva Guarabira, Domingos Sávio, está preocupado, pois sente que seu time poderá ser prejudicado, se o campo não for liberado. As reformas estão em andamento, mas de forma muita acanhada, o que ainda preocupa os dirigentes.

Escolinha de Futebol

A Escolinha de Futebol do Clube dos Oficiais segue com as suas atividades normais em João Pessoa, durante todo o mês de dezembro. A diretoria continua recebendo alunos novatos na faixa etária entre 5 e 13 anos. As vagas são para sócios e não sócios. Os interessados devem procurar a secretaria do clube ou ligar 9.8802-6121.

No foco

Kaique Franca está fechando a temporada com saldo positivo no basquete, no futsal e no futebol, inclusive com passagem pela Alemanha. Tem muita habilidade no que faz e no próximo ano promete muito mais.

O presidente da Apcef, Carlos Espíndola (d), prestigiou o Prêmio Melhor do Esporte, ao lado do seu neto, Rafael Espíndola, que foi campeão brasileiro na categoria sub-9, defendendo a ACF. Rafael é um dos destaques do time da Apcef Saúde no Campeonato Paraibano.

15 . Dez . 2017

Basquete da Ansef comemora bons resultados em 2017

Em: Geral
O time sub-12 masculino da Ansef-PB brilhou na temporada 2017

O time sub-12 masculino da Ansef-PB brilhou na temporada 2017

O basquete da Ansef completou 10 anos em 2017. A Comissão técnica comandada pela professora Janaina Chianca aceitou desafios e ao final deste ano, não esconde a sensação do dever cumprido, em função dos bons resultados alcançados no Campeonato Paraibano e em disputas amistosas fora do Estado. A  Ansef foi campeã paraibana no sub-12 masculino, sub-12 feminino e sub-15 masculino

" Acredito que  estamos no caminho certo. Ver a alegria e vontade de aprender mais no rostinho de cada criança desde a escolinha até aos nossos queridos atletas do sub-17 foi maravilhoso. É motivo de muita satisfação fazer parte desse projeto que é vencedor e que promete muito mais para a próxima temporada", disse Janaina Chianca

O trabalho de base no basquete da Ansef tem sido fundamental no projeto que foi elaborado por Janaina Chianca e acatado pela diretoria, que acredita na força do esporte. " Promovemos nossos alunos da escolinha e formamos novas equipes de base da Ansef, criando as equipes sub-12 masculina e sub-12 e sub-13 feminina, que começam a despontar nas competições oficiais", comentou

Trabalhar com o feminino e colocar a garotada de 10, 11 e 12 anos para iniciar a participação em festivais, torneios e no Campeonato Paraibano, além de manter é claro, o bom nível das demais categorias sub-15 e sub-16, foram os desafios aceitos por Janaina Chianca e sua comissão técnica, que comemoram os bons resultados neste final de temporada.

"Foi assim que trabalhamos o ano todo em busca da realização dos sonhos desta garotada, da satisfação de vê-los sorrir e de mostrar valores que só os esportes proporcionam: cooperação, respeito, disciplina, companheirismo e superação", reforça Janaina Chianca, que já começou a se planejar para a temporada 2018, onde destaca mais uma vez o apoio da diretoria da Ansef, dos pais dos atletas e o empenho de todas as categorias nos jogos e nos treinos.

 

Resultados de 2017

Sub-12 feminino– campeão Paraibano

Sub-12 masculino  - campeão paraibano e campeão de torneio em Recife

Sub-13 Feminino - vice-campeão paraibano

Sub-14 Masculino - vice-campeão paraibano

Sub-15 Masculino - campeão paraibano e vice da Copa Conexão, em Alagoas

Sub-16 masculino - terceiro colocado na Copa Conexão e quarto na Copa Internacional  em Recife

Sub 17 Masculino - vice-campeão paraibano

13 . Dez . 2017

Pisou fundo

Em: Coluna

Não foi nada fácil a temporada 2017, mas Léo Barbosa mostrou talento, garra e muita determinação para fechar o ano como vice-campeão brasileiro na Fórmula 3. Foi uma campanha positiva e que mostrou a força do automobilismo paraibano em nível nacional, em que pese as dificuldades encontradas por conta da falta de patrocinadores.

Léo Barbosa é só otimismo. Fechou o ano muito bem e volta a despertar interesse de outros centros, em função dos importantes resultados que alcançou ao longo da temporada da Fórmula 3. Como único piloto do Nordeste na categoria, deixou a sua marca registrada com muito talento. Foi bem na maioria das corridas e mesmo como novato deu conta do recado sim, pois terminou como vice-campeão brasileiro.

Que venha 2018. Léo Barbosa pode continuar correndo a F 3 na categoria Academy, mas também pode mudar para a categoria A, desde que conte com a força de grandes patrocinadores. Talento ele tem de sobra e mostrou mais uma vez esse ano, correndo pela primeira vez nessa categoria. O problema é que a mudança exige mais investimento e isso pode inviabilizar a sua presença na categoria principal.

O importante é que Léo Barbosa largou bem no primeiro ano de disputa na Fórmula 3. Foi bem mesmo. Durante o Prêmio Melhor do Esporte, quando foi homenageado pelo excelente desempenho em 2017, acenava com a possibilidade de fechar o ano como vice-campeão brasileiro. Promessa cumprida sem alarde e com atitude. Fez bonito sábado passado, em Interlagos, deixando ótimas perspectivas para 2018

Solidariedade

Amigos de João Neto e amigos de Djaelson, realizam jogo beneficente dia 26, às 20h, na Vila Olímpica Parahyba. Será um desfile de craques de futsal e futebol. O encontro tem caráter solidário, para colaborar com Peninha, que tem uma bela história no esporte paraibano.

+POSITIVO

O presidente da Federação Paraibana de Futsal, João Bosco Crispim, também está apoiando esse jogo do dia 26. Ele espera contar com o apoio de todos os salonistas, já que Peninha foi um craque na modalidade e sempre representou bem a Paraíba. Agora está precisando dos verdadeiros amigos e irmãos nesse jogo idealizado por João Neto, Djaelson e atletas em férias em João Pessoa.

-NEGATIVO

Ainda em clima de pré-temporada, o Campinense já perdeu dois importantes valores que foram anunciados como reforços para o Campeonato Paraibano. O primeiro a sair foi o atacante Célio Codó. Na segunda-feira foi a vez do zagueiro Fred deixar o elenco comandado por Celso Teixeira. Agora a diretoria trabalha para encontrar novos reforços. Tem que ser mais criteriosa para evitar mais prejuízo.

Premiação no futsal

No próximo sábado, a Federação Paraibana de Futsal realiza a premiação dos times que se destacaram no Campeonato Paraibano de 2017, em todas as categorias. A festa será realizada no restaurante panorâmico do Cabo Branco, a partir das 11h. Artilheiros e goleiros que se destacaram também serão premiados.

NO FOCO



     
  • A empresária Patrícia Sousa representou a Magicar e a Lifan Motors, no Prêmio Melhor do Esporte. Tem ações importantes, apoiando projetos sociais, inclusive o que é coordenado pelo técnico Maia - Escolinha JM - em Mandacaru.


  •  
  • O doutor Heraldo Rocha (E) prestigiou o Prêmio Melhor do Esporte com Anílson Navarro Xavier. Ambos fizeram parte da geração de ouro do handebol paraibano. Foram homenageados e já prometeram marcar presença em 2018 para uma grande confraternização do handebol.
12 . Dez . 2017

Confiante

Em: Coluna

Se de forma bem antecipada o técnico Maia aprova esse novo momento do Auto Esporte, com base numa parceria que foi selada com o São Paulo-PB, o torcedor tem mais é que oferecer um crédito de confiança para a diretoria que está trabalhando para formar um bom elenco e entrar forte na disputa da próxima temporada. O processo ainda é muito lento, mas não desanima Maia, que acredita em melhores dias em 2018.

Para Maia, só em o Auto Esporte manter a base dos jogadores que trabalharam com ele em 2017, é um bom começo para 2018. A qualidade ainda não é aquela esperada pela torcida, mas a comissão técnica acredita que com mais alguns reforços o elenco estará em condições de começar o Campeonato Paraibano com bons resultados. O que falta na realidade é diinheiro para o processo avançar.

Eu só espero que Maia esteja certo mesmo. A torcida espera um reencontro com os bons momentos, mas o clube continua com muitos compromissos pendentes e isso atrapalha qualquer tipo de investimento que exija dinheiro, que está curto no Auto Esporte. Como foi fechada uma parceria com o São Paulo-PB, eis que surge uma luz no fundo do túnel e é nisso que os dirigentes estão apostando.

O tempo está passando, as contratações estão acontecendo e Maia está trabalhando com o elenco que foi colocado a sua disposição. Tudo vem sendo feito com muita cautela, pois Maia conhece muito bem a realidade do Auto Esporte e sabe com quem está trabalhando. Se apostar e acreditar acima do limite pode se complicar, já que nem tudo que se promete dentro do clube, se cumpre. Sendo assim, todo cuidado é pouco.

Positivo

O presidente da Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal da Paraíba, Carlos Espínola, está comemorando mais um ano de saldo positivo da atual gestão. Contando com o apoio do Apcef Saúde, prepara ações para as sedes de João Pessoa, Campina Grande e Patos. em 2018. Toda a diretoria aprovou o planejamento. O segredo do sucesso da Apcef-PB está na união de toda a diretoria nas ações.

Negativo

Santa Rita e Cabedelo, duas cidades fora do cenário do futebol profissional. Tinham tudo para avançar nesse segmento, mas falta apoio dos empresários das cidades e dos políticos que só aparecem em dia de eleição. Os desportistas de Cabedelo e Santa Rita precisam reagir. Vem aí mais uma edição do Campeonato Paraibano de Futebol Profissional sem representantes das duas cidades. Lamentável.

Destaques

Na próxima sexta-feira, a diretoria do Clube dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba -COPM-BM - realiza a confraternização do esporte. Na oportunidade vai premiar técnicos e atletas que se destacaram ao longo desta temporada. O presidente do COPM-BM, Coronel Francisco, comemora os bons resultados em 2017.

No Foco

Acompanhado do empresário Alexei Garcia, o presidente da Federação Paraibana de Futebol, Amadeu Rodrigues, prestigiou o Prêmio Melhor do Esporte. Também foi homenageado pelo trabalho que faz a frente da FPF.

Natação

Daniel Rozendo(E), Vitor Henrique Souza (C) e Eduardo Cezar(D) foram homenageados no Prêmio Melhor do Esporte, pelos resultados alcançados na Paraíba e em nível nacional. Eles são atletas da natação do Grêmio Cief e fecham mais uma temporada com muito otimismo, prometendo muito mais para 2018.