Top Post

18 . Set . 2019

Só tristeza

Em: Coluna

Agora que passou o confronto com o Confiança e a vitória não aconteceu, o Auto Esporte tem a certeza de que precisa melhorar e muito toda a sua estrutura, se um dia quiser voltar ao futebol profissional. O que aconteceu agora na Segunda Divisão do futebol paraibano serve de lição para os automobilistas que não se planejaram de forma inteligente para voltar a fazer a alegria da sua torcida. Do começo ao fim deu tudo errado e o resultafo foi a permanência na Segundona.

O Auto Esporte está precisando de uma reforma radical em toda a sua estrutura. Precisa colocar nos setores certos, pessoas com identidade forte com o clube e não as figurinhas carimbadas que contribuíram com essa situação atual e trabalham pela queda do futebol profissional. Tem que afastar a maioria, principalmente quem pensa em se desfazer do único patrimônio que o Auto Esporte tem que é a sede de Mangabeira. Chega de tanta decadência e perda de valores.

Como não tem mais o que disputr no futebol profissional, férias antecipadas de novo. Com certeza vai ter gente trabalhando sim, mas com interesses bem diferentes e que não agradam aos verdadeiros automobilistas. Os conselheiros precisam se reunir com a máxima urgência para tratar do Auto Esporte com profissionalismo e seriedade. Além disso, afastar os aproveitadores de plantão que levaram o time automobilista para o fundo do poço.

Nesse momento de dificuldades é importante uma vigilância constante para que o pior não aconteça contra o Auto Esporte, que está caindo pelas tabelas no futebol profissional. Os automobilsitas que ainda restam precisam trabalhar, planejar e afastar quem entrou pela janela no Colosso Alvirrubro. Esse clube que tem tradição forte no futebol profissional da Paraíba precisa de respeito acima de tudo. Sendo assim, fora aos aproveitadores de plantão. Deve ficar sim, quem gosta e quem sempre colaborou pela ascensão do clube.

Clube dos Oficiais

A Corrida do Clube dos Oficiais, que aconteceu no último domingo, na orla marítima de João Pessoa aingiu seus objetivos. Ótima estrutura, atletas disciplinados e uma premiação de qualidade.  A diretoria comemora os bons resultados e promete muito mais em 2020.

Positivo

Muitos oficiais e praças participaram da Corrida do Clube dos Oficiais, que aconteceu dentro das comemorações do aniversário de 55 anos do clube. A festa foi completa, com direito a bolo e muita confraternização. O presidente do Clube dos Oficiais, o coronel Francisco de Assis participou ativamente de toda a programação com os seus diretores. Depois comemorou o sucesso com os colaboradores e parceiros.

Negativo

Quando é que vai acontecer a primeira reunião com os presidentes de clubes que disputarão o Campeoanto Paraibano de Futebol Profissional de 2020? A Federação Paraibana de Futebol bem que poderia antecipar esse encontro, assim como o Ministério Público. O bom mesmo seria avaliar logo as condições dos estádios e dos filiados que vão para a disputa. Chega de tanta conversa fiada e de última hora.

Futsal

Cresceu de forma considerável o número de inscrições na Taça Cidade João Pessoa de Futsal, que será disputada nos dias 11, 12 e 13 de outubro, nas categorias sub-6, sub-7, sub-8, sub-9, sub-10, sub-11, sub-12 e sub-13, com apoio da Federação Paraibana de Futsal. As vagas são limitadas em oito por categoria. Contatos pelo telefone 9.9981-5263.

No Foco

O  promotor de Justiça, Amadeus Lopes (D), participou da Corrida do Clube dos Oficiais, com direito a premiação na sua categoria. Saiu satisfeito com o nível da competição, para a alegria do presidente do COPM-BM, coronel Francisco de Assis(E).

No pódio

Além de comemorar o sucesso da Corrida dos Clube dos Oficiais, o presidente do COPM-BM, coronel Francisco de Assis, também vinbou com a presença de oficiais e praças no pódio da categoria militar. O domingo foi realmente especial na comemoração dos 55 anos do clube. Para 2020 a diretoria promete fortalecer cada vez mais toda a estrutura.