Top Post

10 . Abr . 2019

Botafogo só precisa de um empate para ser finalista

Em: Coluna

Pela fase semifinal do Campeonato Paraibano, o Botafogo derrotou o Nacional de Patos na noite de ontem, no estádio José Cavalcanti. Os gols do Belo foram marcados por Marcos Aurélio e Dico, enquanto que Ranieri descontou o o Canário. Com o resultado o time botafoguense precisa empatar no jogo da volta para ser finalista.

O confronto começou alucinante, com os dois times no ataque e muita festa nas arquibancadas. O Botafogo impressionou com a troca de passes rápidos e a busca de gol, mas o Nacional de Patos tratou logo de equilibrar as ações.

Aos 13 minutos Birungueta fez um lançamento perfeito na área deo Botafogo e Ranieri de cabeça abre o placar no estádio José Cavalcanti para a alegria geral da torcida do Canário, que sentia a necessidade de vencer o primeiro confronto da semifinal.

O Nacional estava bem em campo, mesmo sentindo a pressão do adversário. Aos 21 minutos Birungueta fez falta em Marcos Aurélio e recebeu o cartão vermelho.

Com um jogador a mais o Botafogo passou a inistir mais no ataque até que aos 38 minutos empatou o placar. Marcos Aurélio cobra falta com perfeição. A bola chegou a desviar na barreira e o goleiro Geffson nada pode fazer para evitar o gol.

As jogadas ofensivas continuaram em evidência, exigindo trabalho dos dois goleiros. Nas arquibancadas os torcedores faziam a festa e empurravam o time da casa, mas nada mudou no placar que terminou mesmo no 1x1.

Para o segundo tempo os dois times retornaram com a mesma proposta ofensiva, mas não no mesmo rítimo. Apesar da pressão da torcida o Nacional sentiu dificuldades nos minutos iniciais em finção da forte marcação do adversário.

Aos 21 minutos um grande lance de perigo para o Nacional. Nando recebe um belo passe setor ofensivo e bate forte, forçando o goleiro Geffson a fazer uma bela defesa.

Melhor posicionado em campo, o Botafogo faz o gol da virada aos 27 minutos. O atacante Dico recebe passe de Marcos Aurélio e numa bela jogada de fora da área bate muito forte, sem chances de defesa para Geffson. Na vantagem o Belo passou a administrar o resultado e saiu de campo com a importante vitória por 2x1.