Top Post

21 . Set . 2017

Agora vai

Em: Coluna

Depois de muito barulho e muita confusão nos bastidores, a partida entre São Paulo Crystal e Nacional de Patos será disputada no próximo domingo, às 16h, no Estádio Sílvio Porto, em Guarabira. Tudo indica que agora não acontecerá mais nenhum adiamento, pois a decisão saiu em reunião no Ministério Público.

No primeiro jogo disputado em Patos, o Nacional venceu de 2 x 1 e precisa de um empate para se garantir na final da Segundona e ter a vaga na Primeira Divisão de 2018. Com certeza o time patoense vai para Guarabira para administrar essa vantagem, pois terá pela frente um adversário bem qualificado e comandado pelo técnico Maia, que acredita na classificação.

Como o campo é neutro, os dois times não têm muito que temer, até porque todos os cuidados com o quesito segurança foram tomados para que nada de anormal aconteça. O Nacional com certeza será um time mais fechado, mas sem esquecer a sua força ofensiva. O São Paulo precisa vencer e por isso mesmo será muito mais presença na área do adversário. Será um bom jogo.

Agora a Federação Paraibana de Futebol precisa ter uma preocupação a mais. Se o São Paulo for classificado para a final vai jogar em casa e com a sua torcida? A questão está no ar e pouca gente acredita que isso venha a acontecer. No entanto, cabe ao presidente da FPF, Amadeu Rodrigues, não dormir no ponto e decidir logo como vai acontecer à fase final, mesmo antes de conhecer o segundo time que vai para a decisão.

Congresso Técnico

A Taça Cidade João Pessoa de Futsal Nordeste terá o seu congresso técnico dia 30, na AABB da Penha. As vagas são limitadas e os contatos podem ser feitos pelo 99108 7075. A competição tem apoio da Uninassau, Clínica Interser, GR Papelaria e Federação Paraibana de Futsal.

Positivo

O presidente da Federação Paraibana de Karatê Interestilos, Jocimaar Freitas, retornou do Rio de Janeiro mais do que satisfeito com o sucesso dos atletas paraibanos no Campeonato Brasileiro, realizado no final de semana, em Niteroi. O trabalho que Jocimar Freitas faz é bom, mas ainda precisa de patrocinadores para fortalecer a busca por novos talentos na modalidade

Negativo

O estádio Amigão, em Campina Grande, receberá melhoramentos no gramado e será reaberto em quatro meses. Será que estará pronto para a primeira rodada do Campeonato Paraibano? A dúvida está no ar. E como estão os campos que serão colocados a disposição da Federação Paraibana de Futebol em 2018? O filme é antigo e podem ter certeza que a confusão será a mesma, com atraso no início da competição.

Festival da Primavera

Tudo pronto para o Festival Primavera, dentro das comemorações de aniversário de 53 anos do Clube dos Oficiais. Todas as modalidades esportivas estarão participando, sábado, a partir das 7h, com a concentração dos alunos e pais. Além dos alunos matriculados, também participarão alguns convidados.

No foco 

No Botafogo, Raimundo Nógrega recebeu a visita de Zezito, lateral-esquerdo que se sagrou tricampeão paraibano em 68, 69 e 70. Foi um encontro em grande estilo. Raimundo Nóbrega, como sempre, faz o melhor pelo Belo.

Boa disputa

A disputa pelo título do Paraibano de 2018 já começou fora de campo. Os empresários Waldir Lucena (E) que torce pelo Treze e Ronney Cardoso (D) que é torcedor do Campinense, já estão desafiando Sérgio Meira que é botafoguense e acredita no bicampeonato. Todos pedem muita paz nas arquibancadas. Isso é bom demais.

17 . Set . 2017

É muita confusão

Em: Coluna

Quando é que vai acontecer a grande final do Paraibano da Segunda Divisão? O futuro a Deus pertence, sempre me dizia José Pessoa Silva, meu saudoso pai, quando zelava pelas ações do presente em momentos de dificuldades. Por isso mesmo, com toda essa confusão que rola nos bastidores, o melhor para os clubes que ainda sonham com a elite do futebol em 2018, é pensamento em tempo real.

O Campeonato Paraibano da Segunda Divisão começou todo errado. A maioria dos clubes sem atletas registrados para a rodada de abertura que foi adiada, campos em péssimas condições e estádios vazios. Assim fica difícil pensar que uma competição com tantos erros tivesse um final feliz. É muito amadorismo no profissionalismo.

Sem data marcada para o jogo entre Nacional de Patos e São Paulo-PB, o prejuízo é maior para quem ainda está na briga, pois a folha de pagamento vai ultrapassar limites. O desespero é grande, mas ninguém se entende sobre o local da partida desse jogo decisivo e que vai apontar o segundo time com direito a elite de 2018.

Bom mesmo foi para a Desportiva Guarabira, que trabalhou em silêncio, está garantido na Primeira Divisão de 2018 e só espera pelo seu adversário da final. Também está no prejuízo financeiro, pois vai ter que pagar o seu elenco por mais tempo, mas pelo menos já atingiu o seu objetivo principal que era voltar à elite do futebol. Agora é esperar que essa briga no tapetão termine logo, para que se conheça o campeão da temporada. O torcedor também espera pelo fim da confusão.

Futsal

A Taça Cidade João Pessoa de Futsal Nordeste está inscrevendo através da Gesports Consultoria e Marketing. As vagas são limitadas e os contatos podem ser feitos pelo 99108 7075. A competição tem apoio da Uninassau, Clínica Interser, GR Papelaria e Federação Paraibana de Futsal.

Positivo

E por falar em Taça Cidade João Pessoa de Futsal Nordeste, o professor Rogério Velinho, coordenador geral do evento, marcou o congresso técnico para o dia 30, 10h, na sede da AABB, na praia da Penha. Na oportunidade serão definidos os grupos da competição e será apresentado o regulamento. O presidente da Federação Paraibana de Futsal, Bosco Crispim, confirmou presença.

Negativo

Todo cuidado é pouco com as figurinhas carimbadas do esporte paraibano. A Federação Paraibana de Futebol precisa ficar atenta, pois o comentário é que tem umas figurinhas carimbadas trabalhando nos bastidores para complicar ainda mais, a reta final do Campeonato Paraibano da Segunda Divisão. Todo cuidado é pouco, pois as figurinhas carimbadas também circulam no silêncio da noite.

Festival de Primavera

No próximo sábado, será realizado o Festival Primavera, dentro das comemorações de aniversário de 53 anos do Clube dos Oficiais. Todas as modalidades esportivas estarão participando, a partir das 7h, com a concentração dos alunos e pais. O presidente do COPM-BM, Coronel Francisco de Assis está apoiando mais esta ação.

No Foco

O empresário Waldir Lucena já confirmou presença no Prêmio Melhor do Esporte, que será realizado no mês de dezembro. Vai comemorar os 29 anos de Waldir Acessórios com mais uma ação no segmento esportivo.

Ansef

O time de basquete masculino da Ansef confirmou mais um amistoso, agora contra o Motiva, na próxima terça-feira. A professora Janaína Chianca não relaxa nos preparativos, de olho na estreia do Campeonato Paraibano sub-12. Considera a disputa muito equilibrada, mas aposta na conquista de importantes resultados.

13 . Set . 2017

Acabou o sufoco

Em: Coluna

A agonia passou. O Botafogo derrotou o Sampaio Corrêa e o Fortaleza passou pelo Moto Club. Era tudo que a torcida queria e aconteceu na última rodada. Não queiram saber como aconteceu, pois o que valeu foi se manter na Série C do Campeonato Brasileiro. Os questionamentos ainda estão no ar sobre a classificação, mas agora não adiantam de nada reclamar.

O importante no contexto geral é que a diretoria investiu alto, errou muito e não poderia perder essa chance de continuar na Série C. Deu certo o pensamento positivo do técnico Ramiro Sousa, que ao longo de toda a semana apostou na possibilidade de superar o Sampaio Corrêa e deu certo. Foi sufoco até a última rodada, mas a permanência serviu de comemoração para os mais apaixonados.

Agora que a permanência na Série C está garantida, a diretoria respira mais aliviada e tem tudo para se planejar mais cedo e evitar os erros que foram cometidos e que atormentaram a vida dos torcedores. Não foi fácil esperar pela última rodada e diante de um quadro bastante adverso. Poucos esperavam pela vitória fora de casa, mas ela veio na hora certa.

O que mais se comenta nos bastidores é a possibilidade de Ramiro Sousa continuar como técnico para a próxima temporada. Acho muito difícil. Qualidades ele tem, mas no futebol paraibano pouco se valoriza a prata da casa. Sendo assim, cabe ao torcedor esperar por uma definição dos dirigentes, que devem se reunir ainda esta semana para começar a planejar 2018.

Decisão no futsal

No primeiro jogo da decisão do Campeonato Paraibano de Futsal, categoria adulto, o Brejo do Cruz derrotou o Super 5, em Santa Rita, por 3x0. A partida de volta está marcada para o próximo domingo, 11h, em Brejo do Cruz. O time da casa tem a vantagem do empate para ser campeão.

Positivo

Já está em funcionamento o Projeto ‘MoveMente’, numa parceira entre o Tribunal de Justiça da Paraíba, o Presídio Feminino Maria Júlia Maranhão e a educadora física Germana Dália.Prevenir doenças, combater o sedentarismo no ambiente prisional e assegurar melhor qualidade de vida para reeducandas. As aulas ocorrem duas vezes por semana, no horário do banho de sol.

Negativo

E tem umas figruinhas carimbadas na crônica esportiva exagerando nas comemorações pela permanência do Botafogo na Série C do Campeonato Brasileiro. É por isso e muito mais que o futebol profissional da Paraíba vive nessa decadência. Poucos informaram a trajetória negativa do time botafoguense na Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série C. Foi mais uma temporada ruim do Belo, no cenário nacional.

Apcef-PB

A diretoria da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal da Paraíba considerou positiva a participação dos atletas nos X Jogos Regionais da Caixa, realizados em Aracaju. O presidente da Apcef-PB, Carlos Espínola, parabenizou a todos os atletas pelo empenho ao longo de toda a competição.

No foco 1

O presidente do Clube dos Oficiais, Coronel Francisco, comemora o sucesso da realização do torneio início do Campeonato de Futebol, que terminou no domingo com uma grande confraternização na sede de João Pessoa.

No foco 2

O Cabo Branco estreou no Paraibano de Futebol sub-15 com uma vitória de 2x0 em cima do Kashima. O resultado foi muito comemorado pelo professor Bruno Leonardo e pelo presidente Gilberto Ruy. O time esteve com Rafael, Guilherme, Ítalo, Victor, Anderson, Lucas Brito, Daniel, Wesley, João Victor, João Vitor Freire, Pedro, Gabriel (Pig), Luan e Kleber.

10 . Set . 2017

Acabou a tortura

Em: Coluna

O Botafogo pulou a fogueira. Não queiram saber como aconteceu, pois o que valeu foi vencer o Sampaio Correa e o Fortaleza derrotar o Moto Club. O importante no contexto geral é a diretoria investiu alto, errou muito e não poderia perder essa chance de continuar na Série C. Deu certo o pensamento positivo do técnico Ramiro Sousa.

E por falar em Ramiro Sousa, será que ele será mantido para a próxima temporada? Acredito que a partir de hoje ele volta a ser assistente. É sempre assim, quem é da casa não é valorizado, mesmo num momento de conquista, como aconteceu agora. Todo mundo falava em dificuldades, enquanto Ramiro trabalhava o seu grupo e tinha um discurso otimista.

Agora que passou o sufoco e o Botafogo foi mantido na Série C, cabe a diretoria se planejar melhor para a temporada 2018. Foi esse o comentário geral dos torcedores que foram para a Arena Picui Praia e torceram para que o pior não acontecesse. Toda a direção agora precisa pensar melhor e colocar esse time na Série B.

06 . Set . 2017

Ainda respira

Em: Coluna

Ramiro Souza não perde a confiança no Botafogo. Sabe que é quase impossível evitar a queda, mas passa otimismo para todo o elenco para usar a força da superação e derrotar o Moto Club na última rodada. Ramiro Souza insiste em dizer em todas as entrevistas que o time não merece passar o que está passando, mas agora é tarde e ele não tem culpa de nada.

O problema é que além da obrigação de vencer fora, o Botafogo depende dos outros para evitar o rebaixamento. E quando um time chega numa situação como essa, fica difícil acreditar que o pior não aconteça. Sábado passado, na Arena do Picuí Praia, nosso colega de batente, Gabriel Botto, apresentou alguns prognósticos para o Botafogo fugir da degola, mas considerando a caminhada muito complicada.

Outro fato negativo é que o Botafogo tem um retrospecto ruim jogando fora de casa. Quem viu o time perder inúmeras oportunidades de gols nos últimos jogos, fica difícil de acreditar que esse grupo vai se superar contra o Moto Club. Além disso, não são todos os jogadores que falam a mesma língua e isso não é bom para quem vai para uma decisão.

Não adianta mais lembrar o passado. O Botafogo tem que jogar tudo que não jogou até agora para evitar o rebaixamento. A verdade é essa. O técnico Ramiro Souza faz a sua parte trabalhando com um discurso otimista, mas todo mundo sabe que a caminhada ficou mais difícil, depois o empate com o ASA. Agora é questão de milagre mesmo.

Festival da Primavera

Dentro das comemorações dos 53 anos de fundação, o Clube dos Oficiais vai realizar no próximo dia 23, o Festival Primavera, envolvendo todas as modalidades esportivas que fazem parte do seu calendário de atividades. O evento deve reunir um bom público.

Positivo

Belo gesto do professor Adriano Lucena, atletas e pais de atletas do basquete do Motiva. Não aceitaram a vaga oferecida pela Escola Municipal João Alves, de Caiçara, para disputar os Jogos da Juventude. Fizeram melhor: uma campanha que rendeu dinheiro suficiente para o grupo de Caiçara viajar como legítimo representante da Paraíba na disputa nacional. Ponto para quem colaborou com a campanha.

Negativo

Não conto as vezes que acompanhei a delegação da Paraíba nos Jogos da Juventude do Brasil. Agora estou vendo pela primeira vez um grupo viajar sem um profissional de saúde, o que é um absurdo. É lamentável essa falta de compromisso com o esporte. E se um atleta ou qualquer membro da delegação precisar de atendimento médico? Neste caso vai pedir ajuda de um profissional de outra delegação.

Taça Cidade de João Pessoa

O professor Rogério Velinho se reúne hoje, com toda comissão organizadora da Taça Cidade João Pessoa de Futsal Nordeste, que será realizada de 12 a 14 de outubro, com apoio da Federação Paraibana de Futsal, Uninassau, Clínica Interser e GR Papelaria. As inscrições começam na próxima semana com vagas limitadas.

No foco

Tudo pronto para o lançamento do livro do historiador, José Octávio de Arruda Melo - Na Saga do Autinho do Amor ou as Peripécias do Macaco Altino - que acontece amanhã, nas comemorações de aniversário do Auto.

Apcef-PB

O presidente da APCEF-PB, Carlos Espíndola e diretores, se reuniram segunda-feira com os atletas que vão participar dos X Jogos Regionais da Caixa, que acontecerão em Aracaju/SE de hoje até sábado. A delegação completa que embarca com 130 pessoas, entre técnicos, atletas e acompanhantes.

03 . Set . 2017

Muito fraco

Em: Coluna

Aquele torcedor que tanto vibrou e apostou no início da Série C do Campeonato Brasileiro que o Botafogo chegaria à fase final da etapa de classificação brigando forte por uma vaga na Série B do próximo ano, deve ter dor de cabeça e grande por um bom tempo, pois o time chegou na realidade lutando contra a degola e com um fraco desempenho em campo.

Na verdade o Botafogo se planejou mal para tornar realidade o sonho da Série B em 2018. Foram tantas contratações erradas e gastos desnecessários, que a comissão técnica acabou perdida no tempo e no espaço, principalmente após aquela série de seis derrotas consecutivas. Itamar Schülle foi demitido na hora errada, assim como o seu sucessor, Ademir Fonseca, que teve uma passagem meteórica e ruim.

A diretoria tenta disfarçar que errou, mas foram muitas falhas ao longo da temporada. O time pisou na bola na Copa do Nordeste e Copa do Brasil. Ganhou o título de campeão paraibano, mas todo mundo viu o futebol fraco que foi apresentado pelo Belo e seus adversários. Enfim, o quadro teria que ser esse mesmo, com mais uma decepção, agora na Série C.


Cabe a diretoria do Botafogo repensar o seu projeto. Tem que mudar radicalmente para 2018, pois o torcedor está cansado de tanto fracasso no cenário nacional, até porque se acostumou com aquele título brasileiro da Série D na gestão de Nelson Lira. Parece que ficou ali mesmo a alegria da torcida, que só fez sonhar e ter pesadelo nas duas últimas disputas da Série C.

 

Positivo

A coordenadora do curso de educação física da Uninassau, Tereza Carmem, comemora o no sucesso do Seminário de Educação Fisica e Direito Esportivo realizado, dentro das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física. Destaca o bom nível de conhecimento dos palestrantes e o apoio que recebeu da diretoria da Uninassau para realizar mais um grande evento.

Negativo

Aumenta a cada dia o número de técnicos e atletas, revoltados com a situação do esporte paraibano. A falta de apoio gera insatisfação, pois todos entendem que a Paraíba tem potencial para brilhar no cenário nacional, mas não existe o incentivo ideal. O quadro é preocupante e as reclamações são muitas, pois o esporte paraibano fica em desvantagem com os centros mais avançados. É lamentável.

Escolinha de Futebol

O departamento de esportes do Clube dos Oficiais, continua matriculando alunos novatos - sócios e não sócios - para a sua escolinha de futebol, na faixa etária entre 5 e 14 anos. Os interessados podem procurar a secretaria do clube e aproveitar a promoção do plano trimestral. Os contatos podem ser feitos pelo telefone 98802 6121.

No Foco

O Clube dos Oficiais comemoma os 53 anos de fundação desde ontem, com a realização de um torneio de futebol. O presidente do COPM-BM, Coronel Francisco, está prometendo uma série de eventos em João Pessoa e Campina Grande.

31 . Ago . 2017

Assim fica difícil

Em: Coluna

O torcedor apostou tudo que tinha direito no Botafogo, mas acabou amargando uma grande decepção no último domingo, pois o time não rendeu o esperado e acabou perdendo para o Confiança-SE, em pleno Almeidão, que recebeu um bom público. Foi triste o desempenho do time comandado por Ademir Fonseca, que deixou o cargo na segunda-feira.

E por falar em Ademir Fonseca, ele já não tinha mais o que fazer para mudar o perfil do Botafogo. Apesar dos inúmeros treinos fechados, sinceramente não sei por qual motivo, o time não rendeu o esperado, numa prova que falta qualidade em alguns setores e não tem treinador no mundo que possa mudar essa realidade. É muito ruim a situação do Botafogo. Agora ficou coladinho na zona de rebaixamento, para o sofrimento da torcida e também da diretoria, que investiu para formar um time vencedor, mas só ganhou o Paraibano e sem mostrar muito brilho. Mais uma temporada ruim e mais dinheiro jogado fora, para o inconformismo geral dos torcedores que começam a pedir mudanças radicais dentro e fora de campo para a temporada 2018.

Agora o Botafogo terá o ASA de Arapiraca, que é o lanterna do Grupo A. O jogo será sexta-feira, no Almeidão e o time tem a obrigação de vencer, pois caso contrário vai cair de vez na zona de rebaixamento. Missão difícil para Ramiro Sousa, escolhido como novo técnico. Para quem começou bem na Série C, hoje o Botafogo vive essa triste realidade, atormentando vida dos seus torcedores.

Taça Cidade João Pessoa

O professor Rogério Velinho informa que é grande o número de times pré-agendados para a Taça Cidade João Pessoa de Futsal Nordeste. Lembra que as vagas são limitadas e que serão consideradas inscritas as primeiras oito equipes.. Contatos pelo telefone 99108-7075.

+POSITIVO

A diretoria do Botafogo acertou em colocar Ramiro Sousa para comandar o time nos dois últimos jogos da Série C do Brasileiro. Um pouco tarde. Deveria ter feito isso quando pensou em demitir Itamar Schulle. O resultado é que os técnicos ganharam dinheiro e não fizeram quase nada pelo Botafogo. Já Ramiro Sousa tem uma missão difícil e vai cumprir com apoio da torcida.

-NEGATIVO

O problema é que logo depois da Série C do Campeonato Brasileiro, Ramiro Sousa ficará mais uma vez em segundo plano no Botafogo. É sempre assim e faz muito tempo. Os dirigentes preferem investir em técnicos de fora, pagando caro e acumulando prejuízo. Foi o que aconteceu agora. O Botafogo gastou muito e só ganhou o título do Paraibano com um futebol muito irregular.

Educação Física

Será sexta-feira, o I Seminário de Educação Fisica e Direito Esportivo, promovido pela Faculdade Uninassau. As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas através do https://extensao.uninassau.edu.br/DetalhesEvento.aspx?EventoId=4536. Pela manhã, as palestras começam às 8h30 até às 11h e a noite às 18h30 até às 21h.

NO FOCO

A coordenadora do curso de educação física da Uninassau, Tereza Carmem está apostando no sucesso de mais um evento que fortalece a formação dos alunos. O Seminário de Educação Fisica e Direito Esportivo promete.

Basquete

A treinadora Janaína Chianca e a coordenadora Káthia, ficaram orgulhosas com campanha da primeira equipe feminina de basquete da Ansef, que terminou o Paraibano como vice-campeã, perdendo para as Lourdinas. Destaque para Mariane Franca, Isabelle, Julia Borges, Lara, Maria Júlia , Raíssa, Maria Clara, Iasmin, Marina e Ana Sofia.

28 . Ago . 2017

Ademir Fonseca saiu

Em: Coluna

Agora acabou de complicar geral. O técnico Ademir Fonseca não suportou a pressão e os números adversos e deixou o Botafogo no momento mais difícil da sua vida, em se tratando da Série C de 2017. A torcida foi pega de surpresa e agora tudo se torna mais difícil na corrida contra o rebaixamento.

Fui contra a mudança de treinador, num momento crítico e com todo mundo consciente de que em alguns setores o Botafogo mostra muita falta de qualidade. Saiu Itamar Schülle e veio Ademir Fonseca, que nada acrescentou, pois o elenco colocado a sua disposição é fraco e sem poder fazer novas contratações, o time não rendeu o esperado.

Foi mais dinheiro jogado fora e uma decisão que vai atrapalhar e muito o rendimento do time na partida contra o ASA de Arapiraca. É complicada essa situação e se o milagre não acontecer o rebaixamento será inevitável. Infelizmente esse é o cenário que define o perfil do Botafogo na Série C.

28 . Ago . 2017

É grave

Em: Coluna

E aquele torcedor do Botafogo que planejou amanhecer a segunda-feira com um sorriso estampado no rosto, teve que se contentar com muita tristeza e dor de cabeça. O time joga em casa, com o apoio da torcida e precisando da vitória. Deu tudo errado. O Belo perdeu o jogo e o futebol apresentado deixou muito a desejar.

É triste a realidade do Botafogo. É o time mais derrotado do Grupo A e agora ficou coladinho na zona de rebaixamento, para o sofrimento da torcida e da diretoria que investiu para formar um time vencedor, mas só ganhou o Paraibano e sem mostrar muito brilho. Mais uma temporada ruim e mais dinheiro jogado fora.

Agora o Botafogo terá o ASA de Arapiraca, que é o lanterna do Grupo A. O jogo será sexta-feira, no Almeidão e o time de Ademir Fonseca tem a obrigação de vencer, pois caso contrário vai cair de vez na zona de rebaixamento. Para quem começou bem na Série C, hoje o Botafogo vive essa triste realidade, atormentando vida dos seus fieis torcedores.


 

27 . Ago . 2017

Passo a passo

Em: Coluna

O técnico Ademir Fonseca está com a razão. O Botafogo tem que pensar exclusivamente numa vitória em cima do Confiança para continuar dependendo de suas forças na busca de metas positivas no restante do Campeonato Brasileiro. Tem que deixar de lado, temporariamente, a possibilidade de se classificar para a próxima fase, de se manter na Série C ou de ser rebaixado.

Como diz o competente coach, Juniere Medeiros, é preciso viver o aqui e agora. O passado tem que ser deixado de lado e o futuro é um mistério. Sendo assim, cabe ao Botafogo jogar tudo que sabe para derrotar o Confiança neste domingo. Não tem outra saída para quem quer amanhecer a segunda-feira sorrindo e de bem com a torcida.

Lembrei agora de Nelson Lira, que é um vencedor dentro do Botafogo e tem a confiança da torcida. É nesse momento de dificuldades que o time precisa se transformar, mostrar superação e contar com o apoio significativo do torcedor. Não adianta lembrar erros que foram cometidos. A ordem agora é derrotar o Confiança no Almeidão para depois pensar em mais uma decisão.

Sinto no semblante do colega Gabriel Botto, neto do meu querido, velho e amigo Itapuan Botto Targino, que o Botafogo tem poder de força para derrotar o Confiança e seguir na Série C. Botto é torcedor do Belo, mas acima de tudo um homem de comunicação responsável. Por isso mesmo entende que o Botafogo não tem aquela qualidade técnica ideal, mas pode se superar em campo e fazer a torcida feliz. Lugar de torcedor neste domingo, é no Almeidão.

Taça Cidade João Pessoa

O professor Rogério Velinho informa que é grande o número de times pré-agendados para a Taça Cidade João Pessoa de Futsal Nordeste. Lembra que as vagas são limitadas e que serão consideradas inscritas as primeiras oito equipes. Contatos pelo telefone 99108-7075.

Positivo

O São Paulo-PB está com cem por cento de aproveitamento no Campeonato Paraibano da Segunda Divisão e tem tudo para chegar à elite de 2018 em grande estilo. O técnico Maia está feliz com a campanha, mas a cada vitória pede empenho e seriedade do grupo para atingir seu principal objetivo. Para Maia a caminhada é longa e todos os adversários merecem respeito na competição.

Negativo

A Picuiense ainda não se encontrou no Campeonato Paraibano da Segunda Divisão. O time está na lanterna do Grupo do Agreste, com apenas um ponto conquistado. Isso se chama falta de planejamento e amadorismo. Basta lembrar que a equipe estreou na competição com nove jogadores em campo e foi goleada. Faltou regularizar a maioria dos atletas. É lamentável.

Clube dos Oficiais

Quem vive um bom momento no atletismo máster, é o velocista José Guedes, pai da jornalista Aline Guedes. Ele se prepara para o Campeonato Sul-Americano de Atletismo Master 2017, que será realizado entre os dias 6 a 12 de novembro, em Santiago, no Chile. Acredita na conquista de bons resultados.

No Foco

E por falar em José Guedes, ele coleciona importantes resultados em disputas interestaduais, em João Pessoa, Natal e Maceió. Vive um grande momento e só precisa da força dos patrocinadores para brilhar no Sul-Americano.

DESTAQUE

Mais um atleta do Clube dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba passará por avaliação técnica de um grande clube do Brasil. Trata-se do meia Kevin que irá se apresentar ao São Paulo Futebol Clube (futebol de campo) no dia 28. Tem Leucinho como técnico e tem o apoio do presidente do COPM-BM, Coronel Francisco.